Get great free widgets at Widgetbox! Blog@ndo S@beres - UOL Blog

Blog@ndo S@beres


20/12/2011


Mensagem do Meu Anjo – Enquanto é Natal
Por Paulo Roberto Gaefke

 

“Eu vim para que todos tenham vida,
que todos tenham vida plenamente”
(Jesus Jo 10 , 10)

Enquanto é Natal,
deixe o espírito da generosidade se espalhar,
não se esqueça dos desvalidos que nada tem,
que esperam pelo pão como em todos os dias do ano.
Aqueles que cruzamos e parece que não vemos,
os pedintes de toda a
sorte que esquecemos.

Enquanto é Natal,
deixe o espírito da solidariedade se espalhar.
Visite o doente esquecido no leito de um hospital,
o albergado que se esconde da miséria,
o presidiário recluso, esquecido, desiludido,
o idoso recolhido no asilo das nossas
emoções.

Enquanto é Natal,
deixe o espírito da perseverança se espalhar,
sem esquecer de mais de 1
bilhão de pessoas passam fome,
e não será diferente nessa noite.
Enquanto alguns se fartam em mesas onde sobram
alimentos,
os pobres esperam pela migalha que cai ao chão,
restos da nossa hipocrisia.

Se comemoramos o aniversário de Jesus,
porque não agimos como Ele?
Porque não sair pelas ruas buscando os doentes,
dividindo o pão, curando enfermos da alma,
conversando sobre as coisas do céu,
mostrando uma parte do caminho,
revelando um pouco da verdade,
levando a vida,
como Ele fez.

Enquanto é Natal, seja luz,
distribua o seu melhor, espalhe a boa Nova,
Ele vive e está entre nós,
buscando quem tenha olhos de ver,
corações dispostos ao trabalho de plantar esperanças,
semear amor para colher um mundo melhor.
Enquanto é Natal,
feliz Natal.

Ele acredita em você
Paulo Roberto Gaefke

www.meuanjo.com.br

Escrito por nikollas às 20h43
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

15/06/2010


Exercitemos a paciência, o perdão e a fé em nosso dia a dia,
com aqueles entes queridos mais difíceis,
com o patrão exigente,
os colegas de trabalho menos calorosos,
com os vizinhos mais fechados,
ou aqueles que falam demais…

Tudo é oportunidade de crescimento e evolução,
em tudo podemos enxergar o que vai na nossa alma.
Assim, o preguiçoso, ao olhar para o mato alto,
já pensa em quanto trabalho terá e desiste.
O agricultor, já imagina o que poderá plantar,
e começa a roçar, e a semear, primeiro os sonhos,
depois com as sementes, que adubadas com amor,
vão gerar os frutos, abençoados pelo seu suor.

Bendito é aquele que consegue ver portas abertas,
onde os outros não vem nada além de barreiras.
Bendito o que busca perdoar, seguir adiante,
o que ergue a mão para levantar,
e que abaixa, para não atacar.
O que guarda a língua na boca para não difamar,
o que solta a voz para ensinar, educar, abençoar.

Tudo é oportunidade de crescimento e evolução,
até na dor mais sombria, na angustia tardia,
eu vejo possibilidades, enxergo luzes.
É Deus criando caminhos, oferecendo a redenção,
pois é Pai de misericórdia, nunca de aflição.
jamais de vingança!
E quando não o compreendemos, qual tal a uma criança.
Deus é o Pai generoso, que acolhe e abraça a nossa dor,
pois Deus, antes de mais nada, é o Pai do Amor.

Se para onde olhas, não vê esperança,
olhe para o céu e veja essa luz,
é Aquele que te ama, te abraça e chama,
o próprio Mestre Jesus.
Eu acredito em você
Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 22h07
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

01/05/2010


Repetições
Somos frutos de hábitos que criamos.
Somos os detalhes de situações já vividas;
experiências repassadas pelos nossos pais,
situações que assistimos ou que nos contaram.
Tudo isso, forma esse ser especial,
mas, por vezes, tão cheio de problemas,
que somos nós, os seres humanos.

Poucos estão realmente abertos para viver novas experiências.
A maioria de nós, já tem idéias e atitudes pré-concebidas,
preconceitos e pré-julgamentos, quadros mentais,
que juntamos, colecionamos e chamamos de “nossas verdades“.

 

 

Eita coisa dura de modificar em alguém, é essa tal “verdade de cada um”.
Aliás, desde o início da humanidade, ficou provado uma coisa:
- Ninguém muda ninguém que não está aberto para mudanças!
Por isso, carregamos dores pelo corpo quando nos preocupamos.
O reflexo direto das preocupações é no corpo físico.
E para complicar, carência afetiva não sai no Raio-X,
Raiva causa problemas em quase todo o organismo,
mas não acusa no Tomógrafo.
Não existe remédio para “cabeça dura”, para a intolerância,
para a angústia de quem quer quem não lhe quer,
ou pior: nem sabe o que quer!.

Escrito por nikollas às 09h44
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

06/03/2010


Lindo texto de Matha Medeiros!
Parabéns a todas as mulheres!
Despindo a alma


Em tempos de tantas mulheres posando nuas...
Talvez a verdadeira excitação esteja, hoje, em ver uma mulher se despir de verdade -
Emocionalmente.

Nudez pode ter um significado diferente.. Muito mais intenso é assistir a uma mulher desabotoar suas fantasias, suas dores, sua história.
É erótico ver uma mulher que sorri, que chora, que vacila, que fica linda sendosincera, que fica uma delícia sendo divertida, que deixa qualquer um maluco sendo inteligente.

Uma mulher que diz o que pensa, o que sente e o que pretende, sem meias-verdades, sem esconder seus pequenos defeitos - aliás, deveríamos nos orgulhar de nossas falhas, é o que nos torna humanas, e não bonecas de porcelana. Arrebatador é assistir ao desnudamento de uma mulher em quem sempre se poderá confiar, mesmo que vire ex, mesmo que saiba demais.

Não é fácil tirar a roupa e ficar pendurada numa banca de jornal, mas, difícil por difícil, também é complicado abrir mão de pudores verbais, expor nossos segredos e insanidades, revelar nosso interior. Mas é o que devemos continuar fazendo.

Despir nossa alma e mostrar pra valer quem somos, o que trazemos por dentro.
Não conheço strip-tease mais sedutor
.

Escrito por nikollas às 23h41
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

03/03/2010


Ao homem pertencem os planos do coração

 © Letícia Thompson

 

Existe certamente uma diferença entre a teimosia e a persistência.

Aquele que persiste tem um objetivo do qual não larga, não abandona facilmente até que o último suspiro seja dado, ou a vida decida de outra maneira.  O persistente é forte nos seus objetivos.

O teimoso, por outro lado, é um persistente exagerado, que vai em frente sem querer saber o que encontra no caminho, cego a quaisquer outras idéias que a sua.

O persistente, com o tempo alcança alguma coisa. O teimoso caminha, caminha e acaba se esbarrando em dificuldades que com o tempo o farão desistir.

Muitos e muitos dos projetos que fazemos vão por água abaixo. Outros, iremos até a linha de chegada e carregaremos no rosto o sorriso de satisfação.

E entre as coisas que conseguimos e as que perdemos, ganharíamos um tempo enorme se pudéssemos ter a honestidade de identificar os sinais e seguir por eles.

As coisas que não dão certo não chegam a esse fim de um dia para o outro. Os sinais aparecem, mas preferimos ignorá-los, achamos desculpas pra eles e até (que ironia!!!) dizemos que estão lá apenas para nos testar.

É quando insistimos nesses caminhos que sabemos que não levam a lugar nenhum que choramos nossas mais grossas lágrimas.

O coração não engana ninguém. Ele dá os sinais e fica de lado para deixar a cada pessoa seu livre arbítrio, direito de cada um de errar e de acertar.

E nós vamos plantando e colhendo os frutos das nossas decisões.

Todos os nossos projetos chegam ao trono de Deus. E Ele, carinhosamente e até com jeito, inúmeras vezes nos diz que eles não são bons, porque nos ama e quer evitar nossas lágrimas e decepções.

E, como os que pensam que tudo sabem, apresentamos nossos projetos mas ficamos surdos à resposta Divina, aos apelos do coração que se enganam com menos freqüência do que pensamos.

É isso que nos dá o nó no estômago e a consciência que nos diz "eu sabia", mas que chega, infelizmente, sempre tarde demais.

Portanto, é assim que vamos aprendendo a vida e que nosso coração adquire a certeza que o Senhor responde a todas as nossas perguntas, mesmo se às vezes são coisas que não queremos ouvir.

E aprendemos também que confiar no Senhor é dar um passo à frente, é evitar certas estradas, os tropeços, os choros e abrir os olhos aos horizontes serenos aos quais Deus nos destina.

 

Escrito por nikollas às 21h43
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

07/02/2010


Tome Posse!

Tomar posse de alguma coisa é sentir que aquilo realmente lhe pertence e levar para a sua casa, para a sua vida com a certeza de que é realmente seu.
Por isso, hoje eu trago-lhe um recado especial:
- Tome posse da alegria que os anjos derramam todos os dias pelo mundo e que os tolos, os céticos, os pessimistas, os agitadores, os baderneiros, a turma do “quanto pior melhor não vêem”, mas que está ai, para você agarrar e levar para qualquer lugar.

Em qualquer lugar cabe um sorriso, um gesto de compreensão e simpatia, principalmente onde não somos bem recebidos, onde nos tratam mal.
Que  prazer poder devolver o mal com o bem, não por ironia, mas pela certeza de que nada e nem ninguém, podem roubar a nossa paz se não o permitimos.
Tome posse da paz que vem com a brisa que leva o calor para longe.
Tome posse da amizade verdadeira que está sempre por perto.
Tome posse do carinho de gente que aprendeu a reconhecer em você o próprio bem.
Tome posse da simpatia que está ai, no seu coração, pronta para ser  repartida.
Tome posse dos sonhos que pedem: realize-me!
Tome posse da fé, que é a própria certeza de que não estamos aqui por mero acaso, e que cada um de nós, representa um tijolo na construção do mundo melhor que tanto sonhamos.
Tome posse da importância que você tem para o mundo.
Tome posse de você!
Não deixe que o maltratem, que o diminuam, que o humilhem.
Tome posse do amor de Deus, que na sua infinita misericórdia, derrama agora sobre a sua vida, para que você sinta em plenitude, o quanto você importa.

Tome posse da felicidade, que acena para você como velha conhecida, sua melhor amiga que diz:
Vem ser feliz!

Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 20h42
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

O dono do tempo

Os homens desse planeta sabem que um dia irão morrer,
que a sua geração vai passar e uma nova lhe sucederá,
mas, mesmo assim, vivem como se tivessem a eternidade dos dias,
como se fossem imortais na carne,
deixando o seu bem mais precioso, o tempo,
escorrer por entre os dedos.

Fazem isso, quando vivem amargurados pelos problemas que eles mesmos
criam,
quando transformam pequenos contratempos em grossos espinhos que
ferem a alma.
Fazem isso, quando não resistem a tentação de ir pelo caminho “mais
fácil”, quando se entregam nas mãos dos vícios, ou de pessoas que
consomem a alma.

Fazem isso, quando se agarram no passado, em velhas fotografias, em
pessoas que partiram, em amores que não deram certo, ou velhas desculpas
para não enfrentar a vida.

Não deixe o tempo se perder no emaranhado das suas dificuldades,
transforme cada decepção em pedras que se assentam no caminho e fazem um solo forte para seus passos.

Transforme os erros em adubo para as suas novas investidas, arrisque-se
mais e crie um jardim florido.

Não se deixe abater, nem o tempo passar por passar, vago, vazio, perdido
e inútil…

O tempo é o presente que o Criador lhe oferece a cada dia, e cada segundo
tem seu custo anotado no Livro da Vida, onde prestaremos contas, do
atraso, do descaso, do cuidado e de tudo o que fizermos com esse bem que
nós chamamos de Tempo, e que Deus chama de Presente.

É hoje!
O melhor dia para sua virada, para recomeçar, para ser mais
feliz, para fazer valer os seus direitos, para ter o que deseja.
A montanha está lá longe, é alta e parece que nunca será alcançada,
mas, se o seu passo for firme, em breve,
ela estará embaixo dos seus pés e você sentirá o gosto bom da vitória.

Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 20h40
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

25/01/2010


Caminhos da Vida

A vida tem cores que por vezes não percebemos ,
tem sons que nem sempre ouvimos,
tem sabores que não provamos,
armadilhas que nós mesmos armamos,
e caminhos, muitos caminhos,
que ainda não percorremos.

Falta-nos tempo para apreciar os detalhes.
Assim, deixamos o tempo, precioso tempo,
escorrer pelos dedos da mãos.

Filhos que crescem e não percebemos,
amores que vão se desfazendo,
caindo na rotina massacrante,
e não percebemos.

Envelhecemos e abandonamos nossos sonhos,
passamos pela vida e reclamamos,
um ano começa e quando vemos,
já acabou sem ao menos termos vivido.

Nossas orações são ladainhas repetidas,
expressões vazias da nossa desilusão,
Deus no trono distante,
nós na Terra errante…

Não há mais tempo para a vida,
apenas para os compromissos inadiáveis da nossa agonia,
somos empurrados pelo consumismo,
somos esmagados pelas dívidas,
pelo preço de viver.

Na luta diária da sobrevivência não há tempo:
para poesia, flores, sentar no chão,
andar descalço, comer com a mão,
namorar na praça, andar sem direção
ter com Deus uma comunhão…

Estamos fugindo do encontro crucial
entre nós e os nossos sonhos,
entre o que queremos e o que não temos,
entre o que imaginamos e o que é.
E fica no ar a pergunta:
para onde vamos?

Que você vá rumo a felicidade,
descobrindo que a vida é um presente sem igual,
que Deus oferece para alguém especial,
sentindo a brisa da manhã que convida,
para a vida que se abre em flor,
desejando pra você:
muita paz e muito amor.
Eu acredito em você

Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 08h43
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

13/01/2010


Um tesouro inestimável

  Letícia Thompson

 

É geralmente quando não podemos dizer mais nada que gostaríamos de ter dito algo mais.

E por que não dizemos o que sentimos e esperamos sempre para o momento seguinte? Por que não aprendemos, definitivamente, que a vida é o que temos agora e temos nas mãos o poder de fazer dela o que queremos, que podemos evitar os arrependimentos, que podemos, simplesmente, dar e receber dela o melhor que existe?

Nós conhecemos todas as regras do bem-viver. Nós conhecemos todos os caminhos que levam ao Caminho do céu e sabemos exatamente o que devemos fazer.

Quando alguém nos diz algo que vai de encontro ao que já sabíamos é que temos aquela sensação de que apenas algo foi acordado em nós, mas ele estava lá, claro como a luz do dia e nós é que estávamos cegos. Isso nos prova que os conhecimentos estão todos em nós.

Não podemos mudar o mundo se não nos mudamos. Não podemos olhar para fora se deixamos fechadas nossas janelas, não podemos fazer nada acontecer se deixamos sempre para amanhã para fazer isso ou aquilo.

Por que o orgulho fica maior que o amor dentro de nós se ele nos afasta das pessoas que mais amamos e se ele nos impede, a nós mesmos, de sermos felizes?

A família é um tesouro inestimável. E mesmo se entre pedras preciosas encontramos pedras brutas, elas também fazem parte do todo da nossa história. São nossas raízes e nossos galhos, são as flores e frutos e são o sangue que corre nas nossas veias.

Cortar laços de sangue é cortar um pouco de si mesmo, ficar aleijado de alguma forma. As grandes pessoas são aquelas que aprendem a passar por cima de muros e enxergar apenas o essencial.

Se fechamos uma porta para alguém entrar, essa mesma porta nos impede de sair. E acabamos perdendo.

Deus escolheu uma família para enviar Seu Filho porque sabe que o ser humano precisa disso para manter seu equilíbrio.

Quaisquer que forem as portas que estejam fechadas, temos uma chave nas mãos. Diminuído não é quem busca, mas quem rejeita.

O amor é capaz de criar laços onde já não mais existiam e construir pontes que nos levarão aos outros e eles a nós. E por onde, com toda a certeza, Deus terá prazer em caminhar.

 

Escrito por nikollas às 14h14
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

06/01/2010


Quando

Quado tudo fica vazio, sem sentido,
Ele se faz presença e ocupa os espaços,
é um novo caminho, que guia seus passos.

Quando a injustiça vem cobrar alto preço,
Ele é o juíz que não erra, liberta,
traz a verdade que estava encoberta.

Quando o desamor bate a porta,
Ele é a própria sabedoria,
fonte de carinho em forma de poesia.

Quando a escuridão faz recuar,
Ele é a própria Luz,
candieiro divino que faz tudo  brilhar.

Quando o ódio atormenta,
Ele é o perdão que liberta, não acorrenta.
e pede, perdoa, tenta!

Quando as feridas sangrarem,
Ele é o curativo que estanca, faz secar,
remédio para a alma se curar.

Quando o medo paralisa,
Ele é a coragem que guia,
a mão que sustenta, a palavra que ampara,
a voz que não se cala.

Quando todos desaparecem,
Ele permanece, não te esquece.
Mão que você conhece, segue!

Quando a morte leva um pedaço de você,
Ele silencia junto com o seu pranto,
não te abandona nem com sua revolta,
chama o tempo, grande conselheiro,
que entende a sua dor com sinceridade,
remove a ausência, deixa apenas a saudade.

E Quando a saudade for muito grande,
Ele se aproxima como suave perfume,
são rosas delicadas que trazem esperança,
coro de anjos, voz de criança.
por você, Ele morreu numa cruz.
Se precisar,  não hesite, chame-o pelo nome,
seu amigo, Jesus!

Eu acredito em você
Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 20h53
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

18/12/2009


O Espirito de Natal

Deixa eu ver se o espírito do Natal já está na sua casa.
Não, não quero ver a árvore iluminada na sala nem
quero saber quanto você já gastou em presentes,
quero sim, sentir no ambiente a mensagem viva
do aniversariante desse
Dezembro mágico.

Toda a família está unida?

O perdão já eliminou aquelas desavenças
que ocorrem no calor das nossas vidas?

Não quero ver a sua despensa cheia,
quero saber se você conseguiu doar
alguma coisa do que lhe sobra,
para quem tem tão pouco, as vezes nada.

Não exiba os presentes que você já comprou,
mesmo com sacrifício.
Quero ver ai dentro de você a preocupação
com aqueles que esperam tão pouco,
uma visita, um telefonema, uma carta, um email…

Quero ver o espírito do Natal entre pais
que descobrem tempo para os filhos,
em amigos que se reencontram e podem parar
para conversar, no respeito do celular desligado no teatro,
na gentileza de quem oferece o banco para o mais idoso,
na paciência com os doentes,na mão que apóia o deficiente
visual na travessia das ruas, no ombro amigo que se oferece
para quem anda meio triste, perdido.

Quero ver o espírito de Natal invadindo as ruas,
respeitando os animais, a natureza que implora
por cuidados tão simples, como não jogar o papel no chão,
nem o lixo nos rios.
Não quero ver o Natal nas vitrines enfeitadas,
no convite ao consumo, mas no enfeite que a bondade faz
no rosto das pessoas generosas.

Por fim, mostre-me que o espírito do Natal
entrou definitivamente na sua vida,
através do abraço fraterno, da oração sentida,
do prazer de andar sem drogas e sem bebidas,
do riso franco, do desejo sincero de ser feliz
e de tão feliz, não resistir ao desejo de
fazer outras pessoas, também felizes.

Deixe o Natal invadir a sua alma,
entre os perfumes da cozinha que vai se encher
de comidas deliciosas, no cheiro da roupa nova
que todos vão exibir, abrace-se à sua família
e façam alguns minutos de silêncio,
que será como uma oração do coração,
que vai subir aos céus, e retornar com um
presente eterno, duradouro:

o suave perfume do Senhor,
perfume de paz,amor, harmonia e
a eterna esperança de que um dia,
todos os dias serão
como os dias de Natal !

* Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 16h37
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

15/12/2009


O Espírito do Natal chega cedo,
vem nas notas silenciosas do tempo,
como música que se ouve só,
mas que contagia todos os presentes,
e até o mais humilde dos seres,
o prisioneiro na cela;
o doente na maca;
o solitário na clausura;
o revoltado do barraco;
o indigente das ruas;
o menino que sonha sozinho;
todos se perdem comovidos com a canção,
com esperança sonham,
é tempo de renovação…

Lá está o Grande Maestro, repleto de luz,
envolto em carismas e santidade,
quer falar aos corações mais sofridos:

” Eu sou o caminho, a verdade e a vida”,
quem chega até esta porta será bem recebido,
de pão se fartará e tomará da água eterna,
sou o próprio sentimento da criança,
sou mais que uma simples esperança,
sou mais do que um dia de festa,
mais do que a fartura na mesa,
mais que os brindes exagerados,
mais que uma noite que finda…

Seja você, mais do que enfeite na árvore da sala,
seja tomado pelo espírito renovador do Cristo,
se faça presente, seja consolador,
e eu insisto:
seja o que perdoa, ama e ampara.

Movido pelo amor,
seja luz que clareia na escuridão,
ainda que vela pequena,
sempre será um clarão.
Estrela pequenina que indica,
nasceu o menino em Belém,
vamos todos adorar,
vem!

É Jesus que renasce em você.
É Jesus que proclama: seja feliz:
aqui e agora, todo dia e em todo lugar.
Mais do que um dia sem igual,
com Jesus, todo dia é dia de  Natal.

Seja você, um feliz Natal.

Eu acredito em você
Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 08h29
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

14/12/2009


Livro de Augusto Cury!

O Vendedor de Sonhos é uma saga contada em vários livros com os mesmos personagens. Nessa saga, o drama e a comédia, a dor e o riso, a sanidade e a loucura percorrem as mesmas artérias, invadem os textos e tumultuam a história. Embora haja uma sequência, cada livro pode ser lido separadamente. Eu não imaginava que o primeiro livro, O Vendedor de Sonhos - O chamado, tivesse um sucesso explosivo, em especial porque é intensamente crítico do sistema social e porque grita que as sociedades modernas se tornaram grandes hospitais psiquiátricos onde o normal é ser doente. Agora estamos no segundo livro, O Vendedor de Sonhos - A revolução dos anônimos.
No primeiro livro, O chamado, surge um personagem misterioso chamado Vendedor de Sonhos, ou Mestre, cuja origem e história ninguém sabe, que "chama" os caminhantes para segui-lo numa jornada arriscada para refletir e denunciar as loucuras do sistema social. Os discípulos chamados são tipos desvairados, excêntricos, complexos e confusos. Eu me vejo neles, e creio que vários leitores também. Nesse livro o Mestre inquieta, perturba e instiga seus ouvintes a procurar o mais importante de todos os endereços, um endereço que mesmo os reis raramente encontraram: o interior da alma humana.
No segundo livro, A revolução dos anônimos, o Mestre continua virando a sociedade de cabeça para baixo. Seus discípulos "amalucados", dos quais se destacam Bartolomeu e Barnabé, ganham asas, revelando uma criatividade surpreendente e aprontando mil peripécias. Provocam, satirizam e instigam a tudo e a todos, inclusive o próprio Vendedor de Sonhos. Esta obra mostra que as sociedades são constituídas de heróis anônimos, que não estão sob os holofotes da mídia.
Entre esses anônimos se encontram os deprimidos, que, apesar de abatidos pela cálida dor, enfrentam com dignidade seu inverno emocional; os ansiosos, que, solapados pela inquietação, sonham com dias tranquilos; os portadores de câncer, que, como guerreiros, lutam pela vida e fazem de cada dia um momento eterno; os pais, que esgotam seu corpo e sua mente para sustentar e educar os filhos; os professores, que, com salários magros e sem aplausos sociais, movem o mundo ao ensinar a seus alunos o pensamento crítico; os alunos, que, como frágeis Quixotes, creem que poderão mudar a história sem ter noção de que vivem num sistema social engessado e pouco generoso às novas ideias; os trabalhadores de escritórios e empresas, que não são notados a não ser quando causam escândalos, mas que têm histórias borbulhantes. Todos eles são de alguma forma vendedores de sonhos, embora também vendam pesadelos.
Cada ser humano é uma caixa de segredos, mesmo quando, míopes, não os notamos. Explorá-los, gastar algum tempo com eles é um privilégio.
Como psiquiatra, psicoterapeuta e autor de uma teoria que estuda o admirável mundo dos pensamentos e o complexo processo da formação de pensadores, tenho aprendido muito com cada um desses anônimos e descoberto um tesouro soterrado em seu psiquismo. Sinto-me pequeno perto de muitos deles.
O romance O Vendedor de Sonhos - A revolução dos anônimos, ao destacar esses tipos anônimos, reflete que nossa história é admiravelmente complexa, escrita com lágrimas e júbilo, tranquilidade e ansiedade, sanidade e loucura.
Fonte: revista Veja (Brasil).

Escrito por nikollas às 10h55
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

10/12/2009


Eu tive condições de plantar o amor,
plantei paixões imediatas, veio a dor.

Eu podia dividir o pedaço de pão,
mas reclamei de barriga cheia, e veio a fome.

Eu podia ser solidário, mas me entreguei a lamentação,
restou apenas a solidão.

Eu podia seguir a luz, mas fiquei no canto escuro,
quando pediram a minha opinião, fiquei em cima do muro.

Eu podia seguir qualquer caminho, preferi o das facilidades,
no começo era sempre florido, mas pouco depois, só infelicidade.

Eu podia sorrir e seguir adiante, mas o choro era mais forte,
reclamei da vida, perdi oportunidades e briguei com a morte.

Eu tive tantos amigos, mas abusei deles,
exigia tanto que se cansavam, eu me isolei.

O orgulho me cegou, eu me achava superior,
na minha ignorância, eu não precisa de Deus.

No meio do caminho de espinhos, sentei e chorei.
Era preciso encontrar uma solução, cansei.

Cansei de sofrer, de sentir-me tão só!
Foi ai que tirei as sandálias, e vi os desvalidos.
Eu era tão orgulhoso, que não ouvia seus gemidos,
e pude perceber que podia fazer alguma coisa,
eu podia, com as minhas deficiências, servir,
dividi meu pão, amparei os caídos,
limpei feridas, animei os que desistiam.

E assim, em meio aos problemas dos outros,
eu me vi forte, e resistindo a insegurança,
me vi menino, homem com alma de criança.

Surpreso, me encontrei fazendo a caridade,
lavei a minha alma, encontrei a serenidade.
Entre os mais carentes, descobri que era rico,
entre os mais necessitados,
descobri o que tinha e não valorizava.

Hoje sigo confiante, tudo faz sentido,
até nos problemas vejo uma luz,
e posso afirmar com toda certeza:
- a fraternidade é o caminho seguro,
que  nos aproxima de Jesus.

Eu acredito em você
Paulo Roberto Gaefke

Escrito por nikollas às 10h50
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

27/11/2009


Alguém Pensa em Você!

Quando você resolve que não vai fazer determinada coisa,
alguém consegue te convencer do contrário?

Quando você decide que vai fazer alguma coisa que está na sua cabeça,
alguém consegue te convencer a não fazer?

Você tem a liberdade de escolher o seu caminho, e aconteça o que acontecer,
é você quem decide qual o melhor roteiro para sua viagem aqui na Terra.

Nada é mais forte que uma pessoa determinada,
de uma pessoa que está certa do que quer e sabe onde vai chegar.
O único caminho fácil é aquele da “felicidade aparente”,
aquele que tem o brilho do ouro e apresenta mil facilidades,
mas quando vamos ver é apenas um latão com brilho e que sempre,
traz a dor como recompensa.

Toda a conquista requer luta, esforço, empenho de verdade.
Suor e lágrimas serão derramados sim,
mas serão apenas para fortalecer a sua decisão de seguir em frente.

Não importa qual a sua situação agora.
Não importa qual é o tamanho da sua dor ou do seu desespero.

O importante, é que nesse exato momento, em algum lugar, em algum canto do Universo,
alguém pensa em você com carinho.
Alguém te envia as melhores energias possíveis para a sua conquista.

Se você, fechar os olhos por alguns instantes e deixar de reclamar, deixar de pensar nos problemas
e der uma oportunidade do Universo tocar seu coração,
vai perceber que existem inúmeras possibilidades de mudar a situação
que você mesmo atraiu em um momento em que a suas energias não estavam “em guarda”.

Por isso; não chore, não reclame, não desista;
Não importa o tamanho do problema,
o que importa realmente é o tamanho da sua decisão de mudar a situação.
Se a sua determinação for maior que os problemas, quem irá te segurar?

Chega de viver de esmolas, de remendos, de sonhos do passado,
de gente que já morreu, de pessoas que nem pensam mais em você.
Chega de sofrer.
Hoje é o dia do basta!

E basta você determinar que esse é o dia da virada e deixar que essa pessoa que sempre pensa em você com muito carinho, possa então te ajudar de maneira efetiva e verdadeira, que as coisas começam a mudar imediatamente, começando pelo seu astral. Não pense que as mudanças virão do espaço, do além ou do sobrenatural.

As mudanças começam em você.
Dependem de você, só de você.

E essa pessoa que tanto te ama, que espera apenas o seu sim,
para enviar um exército de amigos para te ajudar na sua luta existe sim,
seu nome é Jesus, e ainda hoje vai te visitar.

“Abra as portas do seu coração e deixe a luz do céu entrar.

Eu, mais do que nunca, acredito em você!
Peça hoje a Vivência dos 7 Anjos. Deixe a oração e o seu anjo, tomarem conta da sua vida. Maravilhosa forma de encontro com os teus sonhos.
Apenas R$ 15,00. Peça ainda hoje.
paulo@meuanjo.com.br

 

Escrito por nikollas às 11h35
[ ] [ envie esta mensagem ] [ ]

Perfil



Meu perfil
BRASIL, Sul, IJUI, Mulher, de 46 a 55 anos, Portuguese, English, Informática e Internet, Música
MSN - enikollas@hotmail.com





ADICIONE AOS SEUS FAVORITOS!



Instituto André Luiz - Essencialmente Espírita!





pensador.info

Histórico